OCULTISMO BLOG  SOFÄ DA SALA | BLOG BRAZIL WEIRD NEWS | SOFÄ DA SALA NO FACEBOOK  privacidade

 


       

 

SABEDORIA MILENAR
Não deixe que o medo te impeça de vencer a covardia
Meditemos...

 

 


 

curso de magia, princípios básicos, grimório,  Fólio 2

OCULTISMO

ADESTRAMENTO DO MAGO I
Constituição do Ser Humano

por Lygia Cabus

       

 



O mago é o homem que AGE sobre variados aspectos da realidade usando a FORÇA de sua VONTADE, expressa - ou manifestada - em pensamentos, gestos e palavras.

Raciocinemos:

1. para ter vontade forte é necessário exercitar vontade.

2. Para exercitar vontade é preciso conhecê-la enquanto força, entendê-la, localizá-la.

3. Finalmente, o homem somente toma posse da própria vontade depois que alcança tomar posse - tornar-se dono, o Senhor - de si mesmo. Por tudo isso, o primeiro passo do iniciado é estudar a constituição do "Ser" humano do ponto de vista das ciências ocultas.

Para a ciência oficial, o homem é corpo e mente: organismo e "psicologismo". Para a Igreja Católica exotérica - que é de conhecimento público - o homem é trino: corpo, alma e espírito. Aliás, analogamente, trino como o próprio Deus: Pai, Filho e Espírito Santo. Examinemos esta proposição Católica. Temos então:

CORPO - a estrutura orgânica, material, tangível. Mortal.

ALMA - a força vital que literalmente anima a matéria bruta que constitui o corpo Mortal.

ESPÍRITO - é a entidade egóica, o ego freudiano, o indivíduo que diz Eu sou e Eu quero. O Imortal.

 



Esse entendimento de ser humano que a Igreja Católica apresenta aos leigos é um resumo da estrutura que as ciências ocultas já a colheram há milênios.

 

Dizer que o homem se constitui de corpo, alma e espírito é uma forma esquemática de apresentar uma estrutura que, estudada em suas minúcias, revela 7 aspectos do "Ser" humano - ser e estar humano. São 7 facetas que um mesmo ser tem de dominar em si mesmo. São eles:


CORPO FÍSICO o processador de substâncias:

1. CABEÇA: processa pensamento e vontade além das operações involuntárias do organismo. Seu bom funcionamento depende da qualidade do sangue.

2. PEITO: processa o ar para retirada de oxigênio e de outro elemento - misterioso - chamado prana. Seu bom funcionamento depende da maneira como se respira tanto quanto da qualidade do ar inspirado.

3. VENTRE: processa os alimentos sólidos e líquidos. Seu bom funcionamento depende da Qualidade do chamado quilo, ou o bolo alimentar. O processo começa desde a escolha dos alimentos a serem ingeridos, passa por uma boa mastigação e exige regularidade nos horários de refeições.

ALMA o processador de sensações:

A alma, anima para os latinos, nous, para os gregos, rupa, para os teósofos e para buddhistas e hinduístas bramanistas - pode ser considerada como o animal que realmente existe em todos nós. Em magia é chamada de "o ser impulsivo". Também esse nosso ser-e-estar animal-impulsivo possui três facetas de manifestação:

4. INSTINTO: são os impulsos reflexos, involuntários. Pertencem a esfera instintiva do nosso ser a geração de sensações como o medo, a agressividade, a sexualidade.

5. EMOÇÃO: é a esfera dos desejos, das paixões, dos atos provocados pela emoção. São sensações do nosso ser emocional: o amor sexual, o ódio, a mágoa, a pena, os vícios em geral, a gula.

6. RACIOCÍNIO: Em magia, raciocínio não se confunde com inteligência. Chamamos raciocínio ao instrumental da mente para processar informações, aprendizados; o raciocínio é basicamente uma capacidade de relacionar dados armazenados na memória. Essa capacidade pode ser mais ou menos desenvolvida.

 

Por isso, um raciocínio por demais condicionado produz o chamado hábito intelectual e para o intelecto, o hábito constitui sempre perigo de perda da capacidade de criar ou descobrir soluções.

 

São hábitos mentais: os preconceitos, os costumes que acomodam a mente a recorrer sempre às mesmas velhas fórmulas não importando o quanto as circunstâncias mudem; a covardia ou a falta de ousadia; todos os comportamentos maquinais que perderam sua razão de ser.

Na verdade, todo o ser humano deveria se conduzir usando seu corpo e sua alma a serviço de uma vontade inteligente mas, não raro, o contrário é o que ocorre. Corpo e impulsos dominam as existências das pessoas e a vontade aos poucos se recolhe, atrofiada, sem poder de comando, sem voz no ser humano. Isso acontece porque a educação formal não é dirigida ao fortalecimento da vontade. No Ocidente, em especial, o que se pretende é submeter a vontade dos indivíduos a uma fórmula pronta de existência.

Em nosso mundo não faltam fontes de enfraquecimento da vontade: as "tentações" do consumo, as mensagens recorrentes nos mídia (meios de comunicação de massa) instigando as paixões e a cobiça dirigidas aos mais variados objetos, a valorização do fútil e do supérfluo.

 

Toda debilidade, todo tipo de fraqueza, todo golpe que atinge corpo físico ou a alma, atinge igualmente a capacidade de exercício da vontade. Somente uma vontade muito bem treinada é capaz de resistir aos revezes e maus estímulos de uma vida comum.

O homem que é dominado por suas debilidades físicas ou por seus impulsos animais torna-se escravo - perde o poder de exercer sua vontade. Por tudo isso, os Mestres Das Ciências Ocultas insistem nos rigorosos cuidados corporais e "exercícios de vontade". É uma forma de submeter à supremacia da inteligência, aqueles impulsos do instinto, dos desejos e dos raciocínios maquinais.

Agora que já comentamos 6 formas de Ser e Estar humano - no Planeta Terra, consideremos a 7º aspecto de "ser gente": O ESPÍRITO.

 

Este é chamado de "o verdadeiro ser humano". É este o que possui inteligência, o que possui vontade e o que está diretamente ligado à força cósmica misteriosa e originária de tudo, chamada de "Deus".

Independente de sua vontade forte ou não, em princípio, todo ser chamado espírito é: humano e criador de si mesmo. Sua força de ação é a vontade manifestada primordialmente pelo pensamento e secundariamente por palavras (sopro) e gestos. Seu corpo e sua alma animal são "equipamentos" auxiliares de ação neste plano de ser e estar que denominamos Vida Terrena. Para o Espírito, corpo e alma são como um veículo cujas engrenagens e combustíveis ele - o Espírito - tem de controlar.

 

FÓLIO ANTERIOR Nº 1- CONCEITO DE MAGIA

Referência bibliográfica:
Tratado elementar de magia Prática - Papus. Ed. Pensamento
A Chave da Teosofia - H.P. Blavatsky Ed.Três, p. 143 a 193.

LINK RELACIONADO

CURSO DE MAGIA

ESTUDO DO LIVRO

TRATADO ELEMENTAR DE MAGIA PRÁTICA. PAPUS

 

       

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 



 

 

 

 


 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


 




      

 

edições: Sofä da Sala
SETEMBRO, 2006
ligiacabus@gmail.com

 SOFÄ DA SALA NO FACEBOOK